O prefeito de Sobral, Ivo Gomes (PDT), afirmou nesta quarta-feira, 3, que o apoio do irmão Cid Gomes (PDT) à candidatura de Roberto Cláudio (PDT) ao Governo do Ceará "simplesmente não existe". ⁠

Em postagem nas redes sociais, Ivo também acusa o próprio partido, o PDT, de ter ignorado e alijado o senador cearense do processo de escolha do candidato ao Palácio da Abolição.⁠

"Engraçado, pra não dizer outra coisa, o meu partido. Ignora e alija Cid do processo de escolha do candidato. Agora quer enganar os entrevistados de pesquisa exigindo na justiça a menção de um apoio do mesmo Cid a RC, apoio esse que simplesmente não existe", escreveu o prefeito em comentário feito a partir de um print de matéria do site Focus.⁠ 

Na avaliação da sigla, atrelar o nome de Cid a RC, diante do peso do ex-governador, alteraria o resultado da pergunta. "É de geral saber que o Senador Cid Ferreira Gomes é, senão a maior, a mais expressiva liderança política dentro do Estado do Ceará, o que lhe credencia como um dos principais apoiadores no pleito de 2022 para o Governador do Estado do Ceará, mais especificamente ao candidato Roberto Cláudio, dado à parceria de ideias e por ser integrante do mesmo partido, o que indiscutivelmente modificaria o resultado da pergunta nº. 04".

Ivo Gomes defendia o nome da governadora Izolda Cela (sem partido) como candidata à reeleição. Entretanto, ela acabou derrotada por RC após votação do diretório estadual do PDT. Roberto Cláudio contou com o apoio do ex-ministro Ciro Gomes, expondo uma divisão não só partidária, mas também familiar. Cid, por sua vez, se ausentou das articulações políticas e não tem dado declarações sobre o assunto.

Via @jogopoliticopovo⁠

Envie um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem