Pedro Henrique Lopes Rodrigues é acusado de tentativa de feminicídio contra a ex-namorada Kauanne Vieira do Vale (foto: divulgação/arte RC)

O juiz Ramon Beserra da Veiga Pessoa, da 1ª Vara da Comarca de Boa Viagem decretou a prisão preventiva de Pedro Henrique Lopes Rodrigues, 26 anos. Ele é acusado pelo Ministério Público de tentativa de feminicídio contra a jovem Kauanne Vieira do Vale, de 22. A justiça acatou pedido do Promotor de Justiça Alan Moitinho Ferraz.

Ao analisar o pedido, o magistrado cita que a prisão é um mal necessário, “justifica-se somente por ter como objetivo a garantia da ordem pública, da ordem econômica, a preservação da instrução criminal e a fiel execução da lei penal.” Acrescenta que é medida extremada de exceção.

Ramon Pessoa destaca que no presente caso concreto, “a prisão preventiva do autuado se mostra indispensável à garantia da ordem pública, dada a periculosidade do investigado, evidenciada na gravidade in concreto de sua conduta, uma vez que, segundo a vítima, ele tentou matá-la com diversos murros, chutes, empurrões, de maneira cruel e covarde. E ainda, indispensável para garantia da integridade física da vítima.” O juiz classifica que a conduta de Pedro Henrique configura-se como violenta e reprovável e a gravidade concreta do crime constitui fundamentação suficiente à decretação da prisão preventiva.

“Vale ressaltar que a conduta do indiciado é altamente reprovável e sua liberdade põe em risco concreto não apenas a integridade física e psíquica da vítima, mas a paz social da pacata cidade de Boa Viagem (Ceará) e ao próprio sistema de Justiça, sobretudo porque mesmo com medidas protetivas anteriormente deferidas em seu desfavor o indiciado agiu em descumprimento das tutelas deferidas”, acrescenta o representante do Poder Judiciário.

“Ante o exposto, corroborando com o parecer ministerial, decreto a prisão preventiva de Pedro Henrique Lopes Rodrigues para a garantia da ordem pública, nos termos do art. 312 do Código de Processo Penal”, finaliza Ramon Beserra da Veiga Pessoa.

Jovem chocou seguidores do Sertão Central depois de divulgar imagens de seus hematomas nesta sexta (Foto:
 reprodução arquivo pessoal)
Repercussão

O caso ganhou grande repercussão nas redes sociais e veículos de comunicação com destaques na Região Central do Ceará. O perfil da jovem no Instagram já tem quase 21.500 seguidores. Ela recebeu apoio de milhares de pessoas.

Kauanne Vieira fez questão de divulgar as suas fotos após ser espancada pelo ex-namorado. O Revista Central esclarece que só divulgou as imagens de vítima e agressor por ter a vítima de forma livre e espontânea publicado nas redes sociais.


Mandado de prisão preventiva foi assinado pelo juiz Ramon Beserra da Veiga Pessoa, da 1ª Vara da Comarca de Boa Viagem (foto: reprodução TJCE/RC - Fonte: Revista Central

Envie um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem