Presidente disse que combustível é "bem mais barato", e deverá chegar em dois meses

O presidente Jair bolsonaro (PL) disse, nesta 2ª feira (11.jul), que negocia comprar diesel da Rússia. Segundo o líder do Executivo, o acordo está "quase certo", e a importação tornaria o combustível "mais barato".

"A minha ida a Rússia foi utilizada para o agronegócio. E, agora, também está quase certo comprar um diesel bem mais barato da Rússia, onde a Petrobras, alguns compravam mais caro", afirmou, em conversa a apoiadores.

Bolsonaro disse ainda que há expectativa de que o combustível chegue em 60 dias. "Já existe essa possibilidade. A Rússia continua fazendo negócio com o mundo todo", disse. As declarações vieram no período em que a guerra entre Rússia e Ucrânia segue indefinida, e levou diversos países, como os Estados Unidos e os da União Europeia, a adotarem restrições contra a Russia.

Aos apoiadores, Bolsonaro também exaltou ações do governo para baratear os combustíveis, como a redução do ICMS em estados e a nível federal. O presidente disse ainda que o setor lida com "um lobby muito forte". 

Font": SBT

Envie um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem