Nota de Esclarecimento!

“Como toda atividade humana, o jornalismo não é imune a erros. Os controles existem, são eficientes na maior parte das vezes, mas há casos em que uma sucessão de eventos na cadeia que vai da pauta à publicação de uma reportagem produz um equívoco.

Foi o que aconteceu com a reportagem “ "Confusão durante sepultamento em Canindé" foi feita tendo como fundamento Reportagem divulgada pelo Programa Cidade Alerta Ceará da TV Cidade Fortaleza. Após a publicação, recebi informações que na verdade o caso não aconteceu em Canindé e sim em outra cidade (ainda aguardando a confirmação) e não foi na manhã de hoje conforme está descrito.

Na publicação havia dois vídeos o primeiro dentro do cemitério e um segundo fora. O segundo vídeo aconteceu sim em Canindé, porém não teve como motivação briga de amante e viúva.

“Não há fórmula, e nem jamais haverá, que torne o jornalismo imune a erros. Quando eles acontecem, é obrigação nossa
corrigi-los de maneira transparente”.

Confusão durante sepultamento em Canindé

De acordo com as informações a confusão na manhã desta quarta-feira (23), no cemitério São Miguel em Canindé. O caso repercutiu na TV Cidade de Fortaleza. Segundo a Reportagem a briga era entre viúva e suposta amante do falecido.

Vídeo:

Por: Wellington Lima

Envie um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem